In order to view this object you need Flash Player 9+ support!

Get Adobe Flash player
Joomla! Slideshow
Mensagem de Natal - padrepauloricardo.org
No nascimento de Jesus se manifesta a graça do Verbo Encarnado, que, fazendo-se homem igual a nós, veio habitar na Terra para experimentar “as alegrias e as esperanças, as tristezas e as angústias dos homens de hoje, sobretudo dos pobres e de todos aqueles que sofrem”. Acompanhe a mensagem de Padre Paulo Ricardo para a celebração do Santo Natal.


 
MANUAL PARA 2014
 Saúde:

1. Beba muita água;
2. Coma mais o que nasce em árvores e plantas, e menos comida produzida em fábricas;
3. Viva com os 3 E's: Energia, Entusiasmo e Empatia;
4. Arranje tempo para orar;
5. Leia mais livros do que leu em 2013;
6. Sente-se em silêncio 10 minutos por dia;
7. Durma 8 horas por dia;
9. Faça caminhadas de 20-60 minutos por dia, e enquanto caminha sorria.

 
Desemprego
E agora presid ANTA,

A taxa de desemprego no país alcançou o percentual de 11%(onze por cento),o PIB deste ano,segundo os principais analistas não atingirá os 2%(dois por cento),
a inflação está fora de controle,os custos industriais e em infra-estrutura estão tão altos que não temos condições de competividade até no MERCOSUL.
A presid ANTA,tem que esvaziar imediatamente os MINISTÈRIOS. O BRASIL tem atualmente 39(trinta e nove),record na história do país,apesar do alto índice
de"coeficiente de ineficiência"Os governos mais eficientes têm entre 19 e 22.O BRASIL está no mesmo nível de ineficiência ministerial, do CONGO(40),do PAQUISTAO,CAMARÔES,GABÂO,SENEGAL(38).O BRASIL poderia ter apenas uma dúzia de ministérios,que são os que realmente a presid ANTA,controla
diretamente.Alguns dos ministros raramente estão com a presi ANTA e alguns nunca foram recebidos por ela.Essa quantidade enorme de ministérios é para
acomodar na sua coalizão uma série de facçoes principalmente os PETRALHAS.

"BRASIL ACIMA DE TUDO"
 
Editorial
 Fecha-se o cerco

O julgamento do mensalão no STF (Supremo Tribunal Federal) chega nesta semana ao ponto central. Após 24 sessões num mês e meio, são desanimadoras as perspectivas para os principais acusados e, mais ainda, para o PT e seus líderes.

No capítulo do processo sobre o qual ora se debruçam, os ministros do STF vão decidir se o mensalão foi de fato um esquema usado pelo governo do presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) para assegurar o respaldo de parlamentares no Congresso Nacional, como acusa a Procuradoria-Geral da República.

Desde 2005, quando eclodiu o escândalo com a publicação de uma entrevista do então deputado Roberto Jefferson (PTB) na Folha, a maior parte dos envolvidos tem afirmado que tudo não passou de distribuição de sobras de campanha --o caixa dois eleitoral--, sem negociação de apoio político.

Ao começar a ler seu voto sobre essa fatia da ação, o ministro Joaquim Barbosa, relator do processo, não deu sinais de hesitar entre as teses: "Há farta demonstração documental acerca dos pagamentos realizados e dos parlamentares beneficiados, não havendo qualquer dúvida sobre a existência de um esquema de compra de votos a esta altura deste julgamento".

Essa afirmação descarta cabalmente a narrativa de que o mensalão seja uma farsa, como tentaram fazer crer o ex-presidente Lula e petistas nele envolvidos.

Verdade que, na sessão de segunda-feira, Barbosa manifestou-se somente a respeito de crimes imputados a membros do PP, partido da base de sustentação do governo lulista. A assertividade do ministro relator, entretanto, deixa claro que, na sequência de seu voto, aquela conclusão será estendida a integrantes do PT, do PTB, do PMDB e do PR (o extinto PL).

A tendência da maioria dos ministros do STF tem sido a de acompanhar o voto do relator do processo, e nada indica que neste caso será diferente. O Supremo, que já considerou culpados 10 dos 37 réus do mensalão e reconheceu o desvio de verbas públicas, inclina-se a condenar também o chamado núcleo político.

Personagens simbólicos da política nacional estão em foco nessa parte da denúncia. Serão julgados o ex-ministro da Casa Civil José Dirceu (PT), acusado de chefiar o esquema, e o ex-deputado Roberto Jefferson. Além deles, a lista inclui outros nove políticos, cinco dos quais exercem cargos eletivos --dois prefeitos, dois deputados federais e um deputado estadual.

Sempre se soube que o julgamento do mensalão nada teria de corriqueiro. É, contudo, somente agora, quando se aproximam seus efeitos concretos, que se dissipa a desconfiança residual com a Justiça, por parte da sociedade; no caso dos políticos, esvai-se a certeza da impunidade. Não é pouca coisa.



 
“Eleições municipais”, Artigo do senador Aécio Neves
Artigo do senador Aécio Neves (MG) publicado na edição dessa segunda-feira (30) do jornal Folha de S. Paulo

A eleição de 2012 será a primeira sob a vigência da Lei da Ficha Limpa. A novidade poderá representar um importante divisor no mundo da política e um avanço no processo de construção do país, como o foi, a seu tempo, a Lei de Responsabilidade Fiscal -que colocou um freio na gastança do dinheiro público, passando a exigir um mínimo de responsabilidade administrativa por parte dos governantes.

Pela maior proximidade com a vida das comunidades, as eleições municipais tendem, naturalmente, a colocar foco na disputa política local e nos problemas urbanos que afligem os moradores. Muitas vezes, infelizmente, chegam até mesmo a gravitar em torno de querelas paroquiais, como se decisões tomadas no nível municipal não guardassem relação com a realidade do Brasil como um todo.

O pleito de 2012 pode ser uma boa oportunidade para que partidos e candidatos coloquem na ordem do dia temas comuns que nos ajudem a construir, das bases, uma agenda importante para o país.
 
Já vi esse filme!
(Osmar José de Barros Ribeiro, em 13 Jun 2013)

A queda da popularidade da presidente, a inflação crescente, as perspectivas eleitorais do próximo ano de 2014 que não parecem ser as mais agradáveis para Brasília, os embates das cúpulas partidárias, a corrupção e todos os outros males que acompanham o tal governo de coalizão do Partido dos Trabalhadores, já começam a mostrar o que vem por aí.
Começou pela capital paulista onde um aumento de vinte centavos nas passagens de ônibus deu margem a depredações, incêndios e conflito aberto com a polícia.
 
Agua fria & ataque Cardiaco...SOS CORAÇÃO
 
Este é um artigo muito bom. Não só sobre a água quente após a sua refeição, mas acerca de ataques cardíacos.
 


 
 
<< Início < Anterior 91 92 93 94 Próximo > Fim >>

JPAGE_CURRENT_OF_TOTAL