Mais de 100.000 ONGS na Amazonia
Segundo levantamentos do Exército Brasileiro e a ABIN, mais de 100.000 ONGs tem escritórios ou representantes "trabalhando"na Amazonia Brasileira. (Vídeo - http://www.youtube.com/watch?v=kDbMExh1OSQ)



Nesse vídeo da Band TV que não foi ao ar, você pode ver alguns membros destas organizações, estrangeiros, chegando a Manaus evitando dar entrevistas, escondendo seus nomes, origem e objetivos. A maioria americanos e canadenses mas de origem latina (para passar melhor despercebidos?)

Você pode ver o diretor de uma "Federação" de povos indígenas dizendo que sim, vários estrangeiros trabalham com eles.E mais: dizendo que o repórter da Band deveria procurar a Policia federal para saber mais.

Veja também o indigenista Villasboas dizendo que os yanomamis estão sendo preparados pelo governo dos EUA para declararem a independência de um território yanomammi do Brasil e da Venezuela.

Também poderá ver a cara de pau dos artistinhas globais, meros figurantes, paus mandados e pagos para fazer campanhas contra o Brasil, mais especificamente contra o aproveitamento de potenciais hidráulicos como Belo Monte, que como sabemos implicará no deslocamento de menos de 300 indígenas, promovido sob todas as leis , regulamentos e da mais moderna técnica indigenista, mundialmente aceita, dentro dos padrões da convenção 169 da OIT.

Antes de aplaudirmos os artistinhas globais e os outros picaretas que atacam nossas hidroelétricas por representarem os donos do petróleo mundial que querem que dependamos de suas termoelétricas movidas a combustíveis fósseis, é bom sabermos mais sobre tudo isso.

Termos ou não um novo apagão como o de 2001 depende de sua consciência destes fatos e de sua postura ativa e militante em favor do Brasil e do desenvolvimento econômico e social de seu povo, incluindo índios, brancos, pretos e mulatos.

Antes de mandar seus agentes virem "ajudar"nossos índios a "declarar a sua independência dos cruéis brasileiros", o governo norte-americano deveria se explicar pelas 89 guerras que seu Congresso declarou contra os povos indígenas daquele país, nos séculos XVIII e XIX, no maior massacre genocida da história moderna, levado a cabo de forma sistema e calculada, por um governo "democrático" e suas forças armadas.
 
Nunca esqueça:
"Embora ninguém possa voltar atrás e  fazer um novo começo, qualquer um pode  começar agora e fazer um novo fim".

Fonte:
Em Direita Brasil
 

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar