Turma Nações Unidas-AMAN64 REPASSANDO O BRASIL TORNOU-SE UM PAIS IMORAL. (JÁ FAZEM 32 ANOS)

Humberto de Luna Freire Filho

O BRASIL TORNOU-SE
 UM PAÍS IMORAL 
 
 Por Humberto de Luna Freire Filho
 
POR FAVOR, LEIAM ESSA IMORALIDADE ABAIXO QUE COPIEI 
 
DA COLUNA DO ESTADÃO HOJE – Dia 02/11 – página A4.
 
CONHEÇAM A ESCRAVA QUE GANHA R$ 33.7 MIL E QUER GANHAR R$ 61.4 MIL.

“A ministra Luislinda Valois, dos Direitos Humanos, apresentou ao governo um pedido para acumular o seu salário com o de desembargadora aposentada, o que lhe garantiria vencimento bruto de R$ 61,4 mil. Em 207 páginas, ela reclama que, por causa do teto constitucional só pode ficar com R$ 33.7 mil do total das rendas. A ministra diz que essa situação, “sem sombra de dúvidas, se assemelha ao trabalho escravo, o que também é rejeitado, peremptoriamente, pela legislação brasileira desde os idos de 1888 com a Lei da Abolição da Escravatura”.

Dá para ficar calado ouvindo ou lendo tamanha pouca vergonha e falta de caráter dessa mulher? Pergunto com que cara (de pau), ela, na condição de ministra dos Direitos Humanos, vai defender e justificar a qualidade de vida de quem ganha salário mínimo (R$ 960,00)? Na sequência da entrevista, ela ainda diz que no final do mês nada sobra. Que descaramento!!!

Sugiro à ministra que ela receba menos adolescentes infratores (“de menor”) na calada da noite. Assim sobrarão uns caraminguás a mais. O Brasil para continuar sendo um país e merecendo o respeito da comunidade internacional, precisa fazer uma limpeza radical no poder Legislativo, mudar esse establishment dominado pela esquerdália dominante e que fornece estrumes desse tipo para o Executivo e que ainda, de sobra, contamina o Judiciário.
 

  DIALOGO DA MINISTRA DOS DIREITOS HUMANOS   LUISLINDA DE VALOIS  E   A PRINCESA ISABEL .