QUEM SERIAM OS VENCEDORES DE 64?

Veja como a esquerda festeira comemorou a Revolução de 64 e como até hoje mamam nas tetas na nação.

Luna Freire

A história como ela é. No Brasil, todos querem se dizer “de esquerda”. Pois, que assim seja; são esses que MENTEM, deturpando a verdade na busca de benesses e de enriquecimento fácil. Foi assim no pós 64 e ainda é. Seja um cidadão bem informado, conhecedor do passado e do presente. A dilapidação da Petrobras e a compra de Pasadena são algumas evidências. E Lula e Dilma, empobreceram ou se tornaram novos ricos?

QUEM SERIAM OS VENCEDORES DE 64 ?

(trecho extraído de artigo do escritor Janer Cristaldo, publicado no nº 46, Revista do Clube Militar, AGO/2012)

Há dez anos ,eu me perguntava quem seriam realmente os vencedores de 64.Os militares brasileiros costumam gabar-se de ter vencido o confronto que culminou com a chamada Revolução de 64.Graças à ação das Forças Armadas, foram derrotados os comunistas e “compagnons de route” que tentavam transformar o país em uma Cuba meridional .Na época , cabia a pergunta : foram ?

 

Enquanto os militares brasileiros foram demonizados pelas esquerdas e jogados na horda dos vilões da História, os comunistas que assaltaram o poder foram mimados com indenizações milionárias, que até hoje pesam no bolso do contribuinte,Foi Millôr Fernandes quem melhor resumiu a situação : “ A luta armada não deu certo e eles agora pedem indenização ? Então, eles não estavam fazendo uma rebelião , mas um investimento”

Até aí nada de novo.A este investimento , deu-se o nome de bolsa-guerrilha,Há quem prefira bolsa-ditadura.Ou ainda bolsa-companheiro. Em 2010, Veja denunciava os absurdos patrocinados pela Comissão de Anistia do Ministério da Justiça , criada em 2001, que até então havia gasto , em nove anos, nada menos que R$ 2,4 bilhões , distribuídos entre mais de 14 mil brasileiros supostamente prejudicados por perseguições movidas pela ditadura militar brasileira. A quantia , suficiente para alimentar durante UM MÊS 12 MILHÔES de beneficiários do Bolsa-Família, estabeleceu um recorde internacional : NENHUM PAÍS gastou tanto em reparações.

A revista fazia uma comparação com as indenizações da Alemanha pagas aos judeus em função da segunda Guerra.O país contemplou Israel com cerca de R$ 9,8 bilhões como reparação simbólica pelo massacre de 6 milhões de judeus.Se fosse repartido em partidas idênticas , cada família atingida pelo Holocausto, teria recebido R$ 1.633,00.Já as indenizações pagas no Brasil , se igualmente divididas entre os favorecidos, renderiam R$171.400,00 por cabeça .Desequilíbrios provocados pela aplicação de critérios duvidosos , contudo, resultaram em diferenças abissais entre os companheiros de folha de pagamento.

Há quem julgue que estas benesses são OBRA DO PT .Em verdade, a bolsa-ditadura foi aprovada por UNANIMIDADE pelo Congresso Nacional em 2002, durante o governo FERNANDO HENRIQUE CARDOSO.MARXISTA DE FORMAÇÃO.FHC quis premiar os bravos camaradas que lutavam pela instauração de um regime soviético no país.Enquanto o Exército Nacional não tinha verba sequer para alimentar os seus soldados , o então Presidente Fernando Henrique Cardoso assinou uma medida provisória que ampliava a definição dos direitos dos políticos anistiados. Servidores públicos que haviam sido punidos foram reintegrados a seus cargos Políticos,civis e militares que já haviam sido readmitidos passaram a pedir indenizações financeiras à União – HIPÓTESE QUE ERA VEDADA na regulamentação da anistia de 2001...
(o artigo continua com abordagens muito interessantes !)

 

“A ideologia é uma merda” - Jorge Amado


Veja como a esquerda festeira comemorou a Revolução de 64 e como até hoje mamam nas tetas na nação.

Luna Freire

A história como ela é. No Brasil, todos querem se dizer “de esquerda”. Pois, que assim seja; são esses que MENTEM, deturpando a verdade na busca de benesses e de enriquecimento fácil. Foi assim no pós 64 e ainda é. Seja um cidadão bem informado, conhecedor do passado e do presente. A dilapidação da Petrobras e a compra de Pasadena são algumas evidências. E Lula e Dilma, empobreceram ou se tornaram novos ricos?

QUEM SERIAM OS VENCEDORES DE 64 ?

(trecho extraído de artigo do escritor Janer Cristaldo, publicado no nº 46, Revista do Clube Militar, AGO/2012)

Há dez anos ,eu me perguntava quem seriam realmente os vencedores de 64.Os militares brasileiros costumam gabar-se de ter vencido o confronto que culminou com a chamada Revolução de 64.Graças à ação das Forças Armadas, foram derrotados os comunistas e “compagnons de route” que tentavam transformar o país em uma Cuba meridional .Na época , cabia a pergunta : foram ?

Enquanto os militares brasileiros foram demonizados pelas esquerdas e jogados na horda dos vilões da História, os comunistas que assaltaram o poder foram mimados com indenizações milionárias, que até hoje pesam no bolso do contribuinte,Foi Millôr Fernandes quem melhor resumiu a situação : “ A luta armada não deu certo e eles agora pedem indenização ? Então, eles não estavam fazendo uma rebelião , mas um investimento”

Até aí nada de novo.A este investimento , deu-se o nome de bolsa-guerrilha,Há quem prefira bolsa-ditadura.Ou ainda bolsa-companheiro. Em 2010, Veja denunciava os absurdos patrocinados pela Comissão de Anistia do Ministério da Justiça , criada em 2001, que até então havia gasto , em nove anos, nada menos que R$ 2,4 bilhões , distribuídos entre mais de 14 mil brasileiros supostamente prejudicados por perseguições movidas pela ditadura militar brasileira. A quantia , suficiente para alimentar durante UM MÊS 12 MILHÔES de beneficiários do Bolsa-Família, estabeleceu um recorde internacional : NENHUM PAÍS gastou tanto em reparações.

A revista fazia uma comparação com as indenizações da Alemanha pagas aos judeus em função da segunda Guerra.O país contemplou Israel com cerca de R$ 9,8 bilhões como reparação simbólica pelo massacre de 6 milhões de judeus.Se fosse repartido em partidas idênticas , cada família atingida pelo Holocausto, teria recebido R$ 1.633,00.Já as indenizações pagas no Brasil , se igualmente divididas entre os favorecidos, renderiam R$171.400,00 por cabeça .Desequilíbrios provocados pela aplicação de critérios duvidosos , contudo, resultaram em diferenças abissais entre os companheiros de folha de pagamento.

Há quem julgue que estas benesses são OBRA DO PT .Em verdade, a bolsa-ditadura foi aprovada por UNANIMIDADE pelo Congresso Nacional em 2002, durante o governo FERNANDO HENRIQUE CARDOSO.MARXISTA DE FORMAÇÃO.FHC quis premiar os bravos camaradas que lutavam pela instauração de um regime soviético no país.Enquanto o Exército Nacional não tinha verba sequer para alimentar os seus soldados , o então Presidente Fernando Henrique Cardoso assinou uma medida provisória que ampliava a definição dos direitos dos políticos anistiados. Servidores públicos que haviam sido punidos foram reintegrados a seus cargos Políticos,civis e militares que já haviam sido readmitidos passaram a pedir indenizações financeiras à União – HIPÓTESE QUE ERA VEDADA na regulamentação da anistia de 2001...
(o artigo continua com abordagens muito interessantes !)

“A ideologia é uma merda” - Jorge Amado